segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Reunião nº 171 - Castas italianas pouco conhecidas

Reunião nº 171

Dia: 22/11/2014

Tema: Castas italianas pouco conhecidas


Vinhos:

  • Psagot Edom, 14,8% álcool, ano 2008, vinho tinto de mesa fino seco. Psagot Winery Ltd. Psagot Israel Castas: 81% Cabernet Sauvignon, 4% Merlot, 4% Cabernet Franc, 11% Petit Verdot. Envelhecido por 14 meses em barricas de carvalho francês, aromas ativos e muito agradáveis de baunilha, frutas e especiarias em especial anis. Coloração rubi escuro. Muito bom corpo, taninos e acidez equilibrados sem distorções apesar de alto teor alcoólico. Foi um dos preferidos da noite (713);
  • Ronchi San Giuseppe Schioppettino, 13 % álcool, ano 2009, vinho tinto de mesa fino seco DOC Colli Orientali del Friuli. Azienda Agricola Ronchi San Giuseppe , Friuli Itália. Castas: 100% Schioppettino, cepa de origem Friuli-Venezia Giulia tem registros desde 1282. Declinante até quase a extinção no século 19, foi recuperada nos anos 70 do século XX. Coloração rubi escuro, aromas iniciais não muito agradáveis. Corpo médio, tem uma certa complexidade, com destaque para acidez quase no limite do desagradável (nº714);
  • Apollonio Elfo, 13 % álcool, ano 2012, vinho tinto de mesa fino seco IGP Salento. Apolonio Casa Vinicola, s.r.l. Monteroni di Lecci Itália. Castas: 100% Susumaniello, casta de origem na Dalmátia que tem hoje apenas cerca de 200 acres cultivados na Itália. Coloração rubi escuro, passa por um estágio de 3 meses em barricas americanas. Corpo médio apresenta algum taninos e também acidez pronunciada. Pouca permanência (715);
  • Zito Krimisa Cirò, 13,5%  álcool, ano 2008, vinho tinto de mesa fino seco DOC Cirò. Vinicola Zito V.& F, Cirò Marina, Itália. Castas: 100% Gaglioppo, casta de origem grega, considerada pelos locais como sendo a mais antiga do mundo. Era oferecida aos vencedores dos Jogos Olímpicos. Coloração rubi concentrada. Aromas de frutas, especiarias. Macio, muito saboroso e equilibrado, enche bem a boca. Dividiu com o primeiro a preferência da noite (nº716).

Todos os vinhos acompanharam bem a pasta, talharim e spetzel, com ragu de carne e galinha caipira.